Cruzeiro derrota Flamengo e vai pro recesso como primeiro!


Com uma atuação irrepreensível, o Cruzeiro dominou completamente o Flamengo e derrotou o adversário por 3 x 0, na tarde deste domingo, no estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Com a vitória, a sexta na competição, a Raposa manteve a liderança isolada da competição nacional, que só voltará a ser disputada no dia 16 de julho, após o término da Copa do Mundo do Brasil.

Ricardo Goulart, Everton Ribeiro e Borges, todos no primeiro tempo, marcaram os gols do Maior de Minas, que terá como próximo adversário no Brasileirão, o Vitória, no Mineirão, dia 16 ou 17 de julho. Mas antes disso, os campeões brasileiros terão duas semanas de descanso e posteriormente participarão de uma intertemporada nos Estados Unidos.

O jogo

A equipe cinco estrelas não tomou conhecimento do atual campeão carioca, foi soberana em campo e demonstrou um futebol mais do que suficiente para ter construído um placar bem mais dilatado.

Logo aos 3 minutos, Borges recebeu passe de calcanhar de Ricardo Goulart e finalizou muito mal, acima do gol. Aos 16 a Raposa abriu o marcador, através de Ricardo Goulart, após belíssima jogada trabalhada do campeão brasileiro.

Dois minutos depois, Henrique tocou para Everton Ribeiro, que chutou e ampliou, sem chance alguma para Paulo Victor. Raposa 2 x 0.

Apesar do placar amplamente favorável, o time celeste seguiu atacando e só não fez mais um por causa de excelente defesa do goleiro do Flamengo, em chute forte de Everton Ribeiro. Nos instantes finais do primeiro, Borges recebeu passe preciso de Egídio e finalizou para o gol e Paulo Victor salvou mais uma vez o Flamengo.

Aos 45, o arqueiro adversário defendeu outro chute perigoso de Ricardo Goulart, mas o rebote sobrou para Borges fazer o dele. Cruzeiro 3 x 0.

Segundo tempo

O domínio cinco estrelas foi o mesmo na etapa final e, até os quatro minutos, a Raposa teve mais duas claras chances para ampliar, com Nilton, de cabeça, para fora, e Ricardo Goulart, que Paulo Victor defendeu.

Melhor em campo, Goulart deu trabalho demais à defesa adversária e quase fez mais um, em uma finalização muito forte, da entrada da área, para fora. Henrique também tentou o dele, mas esbarrou em outra intervenção segura de Paulo Victor.

O Flamengo tentava surpreender a equipe mineira em alguns contra-ataques, mas a preocupação maior era não levar mais gols, como no potente chute de Luan, após bela jogada de Elber, que Paulo Victor defendeu.


CRUZEIRO 3 X 0 FLAMENGO

Motivo: 8ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 01/06/2014 (domingo)
Local: estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia-MG
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira-SP (ASP-FIFA)
Gols: Ricardo Goulart, aos 16 min., Everton Ribeiro, aos 18 min., e Borges, aos 45 min. do 1º tempo

Cruzeiro
Fábio; Mayke, Léo, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Henrique, Marlone (Elber) e Éverton Ribeiro; Ricardo Goulart (Luan) e Borges (Júlio Baptista)
Técnico: Marcelo Oliveira

Flamengo
Paulo Victor; Léo Moura, Chicão, Wallace e Samir (João Paulo); Amaral (Gabriel), Márcio Araújo, Luiz Antonio e Paulinho; Negueba e Alecsandro (Lucas Mugni)
Técnico: Ney Franco

Cartão amarelo: Luiz Antonio (Flamengo)


Fonte: http://www.cruzeiro.com.br/index.php?section=conteudo&id=4805


Com uma atuação irrepreensível, o Cruzeiro dominou completamente o Flamengo e derrotou o adversário por 3 x 0, na tarde deste domingo, no estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia, pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Com a vitória, a sexta na competição, a Raposa manteve a liderança isolada da competição nacional, que só voltará a ser disputada no dia 16 de julho, após o término da Copa do Mundo do Brasil.

Ricardo Goulart, Everton Ribeiro e Borges, todos no primeiro tempo, marcaram os gols do Maior de Minas, que terá como próximo adversário no Brasileirão, o Vitória, no Mineirão, dia 16 ou 17 de julho. Mas antes disso, os campeões brasileiros terão duas semanas de descanso e posteriormente participarão de uma intertemporada nos Estados Unidos.

O jogo

A equipe cinco estrelas não tomou conhecimento do atual campeão carioca, foi soberana em campo e demonstrou um futebol mais do que suficiente para ter construído um placar bem mais dilatado.

Logo aos 3 minutos, Borges recebeu passe de calcanhar de Ricardo Goulart e finalizou muito mal, acima do gol. Aos 16 a Raposa abriu o marcador, através de Ricardo Goulart, após belíssima jogada trabalhada do campeão brasileiro.

Dois minutos depois, Henrique tocou para Everton Ribeiro, que chutou e ampliou, sem chance alguma para Paulo Victor. Raposa 2 x 0.

Apesar do placar amplamente favorável, o time celeste seguiu atacando e só não fez mais um por causa de excelente defesa do goleiro do Flamengo, em chute forte de Everton Ribeiro. Nos instantes finais do primeiro, Borges recebeu passe preciso de Egídio e finalizou para o gol e Paulo Victor salvou mais uma vez o Flamengo.

Aos 45, o arqueiro adversário defendeu outro chute perigoso de Ricardo Goulart, mas o rebote sobrou para Borges fazer o dele. Cruzeiro 3 x 0.

Segundo tempo

O domínio cinco estrelas foi o mesmo na etapa final e, até os quatro minutos, a Raposa teve mais duas claras chances para ampliar, com Nilton, de cabeça, para fora, e Ricardo Goulart, que Paulo Victor defendeu.

Melhor em campo, Goulart deu trabalho demais à defesa adversária e quase fez mais um, em uma finalização muito forte, da entrada da área, para fora. Henrique também tentou o dele, mas esbarrou em outra intervenção segura de Paulo Victor.

O Flamengo tentava surpreender a equipe mineira em alguns contra-ataques, mas a preocupação maior era não levar mais gols, como no potente chute de Luan, após bela jogada de Elber, que Paulo Victor defendeu.


CRUZEIRO 3 X 0 FLAMENGO

Motivo: 8ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 01/06/2014 (domingo)
Local: estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia-MG
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira-SP (ASP-FIFA)
Gols: Ricardo Goulart, aos 16 min., Everton Ribeiro, aos 18 min., e Borges, aos 45 min. do 1º tempo

Cruzeiro
Fábio; Mayke, Léo, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Henrique, Marlone (Elber) e Éverton Ribeiro; Ricardo Goulart (Luan) e Borges (Júlio Baptista)
Técnico: Marcelo Oliveira

Flamengo
Paulo Victor; Léo Moura, Chicão, Wallace e Samir (João Paulo); Amaral (Gabriel), Márcio Araújo, Luiz Antonio e Paulinho; Negueba e Alecsandro (Lucas Mugni)
Técnico: Ney Franco

Cartão amarelo: Luiz Antonio (Flamengo)


Fonte: http://www.cruzeiro.com.br/index.php?section=conteudo&id=4805
 
Layout por Layous Ceu Azul | Cruzeiro Torcedor | por: Willian Ernani